Amigos,

Escrevo este post independente da posição dos outros amigos/colaboradores do site.

Desde pequeno meu sonho foi me tornar piloto, e este sonho eu tenho certeza que só foi aguçado e permanece até hoje pelo encanto que tive quando vi pela primeira vez a Esquadrilha da Fumaça, desde então meu sonho era ser um “Fumaceiro”.
Quando recebo uma notícia dessas, de um acidente aeronáutico, e ainda por cima envolvendo o EDA, fico lembrando de todas as pessoas que falam o quanto pode ser perigoso voar. Mas depois voltam as boas lembranças, todas as imagens das vezes “que eles quase bateram”, dos sustos que eles dão nas pessoas quando vem uma aeronave isolada atras do público que está entretido com a apresentação, e de outros bons momentos que só os que já assistiram às demonstrações conhecem.
Uma morte nunca é bem vinda, ainda mais nessas circunstâncias em que aconteceu o acidente, mas me lembro de ter lido um texto sobre o EDA que dizia “Deus é brasileiro, e voa na Fumaça!”, talvez seja esse o conforto para os que sentem saudades do Capitão nesse momento, onde quer que ele esteja, Deus está com ele.

Att.
Walter – Um eterno admirador da Esquadrilha da Fumaça

Comentários

  1. Everton disse:

    To contigo, Walter!

    Até agora to chocado…

  2. “Deus é brasileiro, e voa na Fumaça!”
    Fique com Deus Capitão Anderson Amaro Fernandes.

    “Até agora to chocado…”²