A Infraero fechou em 26/1 o maior contrato comercial da história da empresa. A construção e operação do edifício-garagem e estacionamento de veículos no Aeroporto Internacional de Curitiba/São José dos Pinhais – Afonso Pena (PR) serão executadas pela empresa Pare Bem Administradora de Estacionamentos Ltda, que deu o maior lance, no valor global de R$ 345,8 milhões, e venceu a licitação.

O prazo do contrato é de 25 anos. A próxima etapa do processo é a análise técnica da proposta da empresa que ofertou o melhor lance.

O projeto prevê que o vencedor da licitação construa um edifício garagem numa área de 80,3 mil m², com três pavimentos, altura máxima de 33,9 metros e com pelo menos 2,4 mil vagas. Também estão previstas a instalação de cobertura em 1,6 mil vagas externas e melhorias na sinalização do estacionamento.

Após a assinatura do contrato de concessão de área, o vencedor do processo terá 24 meses para elaborar e aprovar os projetos das novas instalações, bem como para executar a obra.

“O objetivo da Infraero é expandir o estacionamento existente, acompanhando a ampliação do terminal de passageiros e o crescimento da demanda”, avaliou o diretor Comercial da empresa, André Luis Marques de Barros. Com essa concessão, o Aeroporto Afonso Pena deverá passar das atuais 2,1 mil vagas para pelo menos 3,7 mil vagas, número que pode ser maior conforme o aproveitamento do espaço pelo novo operador do estacionamento.

Fonte: Assessoria de Imprensa – INFRAERO